Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Abril, 2012

Pariparoba - da Mata Atlântica aos laboratórios

Pariparoba Um composto extraído da pariparoba (Pothomorphe umbellata), um arbusto originário da Mata Atlântica, é capaz de inibir o desenvolvimento do melanoma, o câncer de pele. Os testes de laboratório mostraram que o composto ativo retirada da planta é capaz inclusive de impedir que as células tumorais invadam a camada mais profunda da pele e se espalhem para outros tecidos. Esse composto ativo, uma molécula batizada de 4-nerolidilcatecol (4-NC), foi isolada e testada por Carla Abdo Brohem, na Faculdade de Ciências Farmacêuticas da USP. A equipe já iniciou a etapa de testes em animais. Os primeiros resultados estão em artigo publicado na revistaPigment Cell & Melanoma Research. Melanoma Segundo Silvya Stuchi Maria-Engler, coordenadora da equipe, o melanoma é a forma mais agressiva de câncer de pele e tem origem nas células produtoras de pigmentos, os melanócitos - entre 20% a 25% dos pacientes diagnosticados com a doença morrem. "Se tratado na fase inicial, as ch…